A força dos fatos

Negar as atrocidades da História, reescrevendo-a ao bel-prazer, é uma das estratégias da extrema-direita para se impor e se alastrar pelo planeta.

O filme Negação, produção anglo-americana de 2016, trata de uma dessas tentativas de apagar as evidências dos acontecimentos, sobrepondo-lhes camadas de mentira e invenção.

Baseado em fatos reais, o longa-metragem em cartaz na Netflix mostra o embate entre a historiadora e acadêmica norte-americana Deborah Lipstadt (interpretada por Rachel Weisz) e o inglês David Irving (vivido pelo ator Tom Wilkinson).

Posando de historiador, David escreveu livros destinados a negar o Holocausto e a exaltar Hitler. Foi contestado por Deborah, que escreveu um livro em resposta. O inglês acabou movendo um processo de difamação contra a editora Penguin, responsável pela publicação da obra. O fórum por ele escolhido foi a Inglaterra, para valer-se de uma característica do sistema jurídico britânico, segundo o filme: o réu deve arcar com o ônus da prova, mostrando os equívocos do acusador.

O filme dirigido por Mick Jackson é baseado no livro History on trial: my day in court with a Holocaust denier (algo como “A história em julgamento: meu dia na corte com um negacionista do Holocausto”), no qual Deborah Lipstadt descreve a via crúcis do enfrentamento legal.

Os ritos do julgamento constituem a linha narrativa do filme. Nas sessões, o duelo se dá entre David Irving e os advogados da editora. Deborah mantém-se como observadora.

Quem quiser saber quem venceu a batalha, deve ver o filme. Mas pode-se adiantar que os métodos do defensor do nazismo muito se assemelham às ações de certos ideólogos tropicais em suas estratégias de tapar o sol dos fatos históricos, substituindo-os pelas trevas do delírio e do absurdo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s